Telefones

  • Belo Horizonte - (31) 4042-1734
  • Brasília - (61) 3090-0028
  • Campinas - (19) 3090-1436
  • Curitiba - (41) 4042-1825
  • Fortaleza - (85) 4042-1817
  • Porto Alegre - (51) 4042-1893
  • Rio de Janeiro - (21) 3090-9243
  • São Paulo - (11) 3090-0609
  • Whats App - (11) 96406-7589

Câmbio

  • Dolar - 3,96
  • Euro - 4,45

Países que não exigem visto para brasileiros

Lista de países que não exigem visto para brasileiros.
Os prazos para permanência nos países variam de 30 dias a 180 dias com predominancia de 90 dias:

 
África do Sul, Albânia, Alemanha, Andorra, Antígua e Barbuda, Argentina, Armênia, Áustria, Bahamas, Barbados, Belarus/Bielorrússia, Bélgica, Bolívia, Bósnia e Herzegovina, Botsuana, Bulgária, Cazaquistão, Chile, Chipre, Cingapura, Colômbia, Coreia do Sul, Costa Rica, Croácia, Dinamarca, Dominica, El , Equador, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Filipinas, Finlândia, França, Geórgia, Grã-Bretanha, Granada, Grécia, Guatemala, Guiana, Haiti, Holanda, Honduras, Hong Kong, Hungria, Ilhas Fiji, Ilhas Maldivas, Ilhas Seychelles, Ilhas Tuvalu, Irlanda, Islândia, Israel, Itália, Jamaica, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Macau, Macedônia, Malásia, Malta, Marrocos, México, Micronésia, Mônaco, Mongólia, Montenegro, Namíbia, Nauru, Nicarágua, Noruega, Nova Zelândia, Palestina, Panamá, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, República do Palau, República Tcheca, Romênia, Rússia, Samoa, San Marino, Santa Lúcia, São Cristóvão e Nevis, São Martinho, São Vicente e Granadinas, Sérvia, Suécia, Suíça, Suriname, Tailândia, Tonga, Trinidad e, Tobago, Tunísia, Turquia, Ucrânia, Uruguai, Vaticano, Venezuela.

 

Alguns países que exigem visto para brasileiros e outras recomendações:

País* Outras Recomendações
Afeganistão Exigência da vacinação contra a poliomielite até um ano antes da viagem
Argélia  
Armênia  
Angola  
Austrália Vacinação contra febre amarela, passaporte com validade de pelo menos seis meses, entre outros
Bangladesh  
Benin  
Burkina Faso  
Cabo Verde Portadores de passaportes brasileiros diplomáticos ou de serviço estão isentos do visto de entrada por um período de permanência de até 90 dias
Camarões Portar carteira internacional de vacinação contra a febre amarela
Camboja Turistas podem solicitar visto no momento de chegada “visa on arrival”
Canadá  
Catar  
China  
Congo  
Cuba É preciso portar seguro de viagem com cobertura de despesas médicas no País
Egito Visto também pode ser adquirido quando da chegada no Aeroporto do Cairo, ou mesmo nos postos de fronteira
El Salvador  
Emirados Árabes Unidos  
Estados Unidos Recomenda-se planejar a obtenção do visto com vários meses de antecedência em relação à viagem, antes de adquirir passagem aérea
Etiópia  
Gabão  
Gana  
Índia Turista deve portar certificado internacional de vacinação contra febre amarela
Honduras  
Irã  
Iraque Visto concedido pelo Consulado do Iraque no Brasil
Indonésia Visto de turista pode ser obtido no aeroporto, desde que apresentado passaporte com validade mínima de 6 meses
Japão Como não há vôos diretos entre
o Brasil e o Japão, turistas devem prestar especial atenção às exigências de entrada ou trânsito do país no qual farão conexão ou escala aérea.
Jordânia
Contar com visto de entrada aposto no passaporte ou solicitá-lo no aeroporto, mediante pagamento de taxa adicional
Líbano
 
Laos
Turistas ingressando no Laos por terra ou pelos aeroportos podem obter visto no momento da chegada
Mali
Portador de passaporte diplomático ou oficial está isento da exigência para ingressar no Mali
Moçambique
Visto poderá ser obtido na Embaixada e inclusive nos aeroportos, ao  custo de US$ 82,00
Nepal
Visto de turista poderá ser adquirido na chegada ao aeroporto
Nigéria
 
Quênia
Na chegada ao aeroporto o visto poderá ser adquirido com entrada válida por um período não superior a três meses
República da Guiné
Exigido certificado internacional de vacinação contra a febre amarela
São Tomé e Príncipe
É preciso fazer requerimento de autorização de entrada para então ser expedido o visto
Vietña
 
Tanzânia
Vistos para turistas brasileiros, válidos por 90 dias são concedidos na chegada (aeroportos ou postos de fronteira
 
 
 *Dados do Ministério das Relações Exteriores